Home > Notícias

André Kriger sucede Alessandra Bomura na TI da Telefônica Brasil

Executiva deixa empresa depois de 18 anos de casa, entre GVT e Telefônica

Redação

05/04/2018 às 8h24

Foto:

Alessandra Bomura, CIO da Telefônica Brasil, está deixando a TI da companhia em busca de novos desafios. A executiva, que acumula diversos troféus no Executivo de TI do Ano e As 100+ Inovadoras no Uso de TI, prêmios da IT Mídia, ingressou na Telefônica Vivo em março de 2015, depois da aquisição da GVT pela Telefônica. Na GVT, a executiva somava 15 anos de casa.

Em seu LinkedIn, Alessandra afirmou que fecha esse capítulo com a sensação de missão cumprida. "Meu legado vai além das entregas que foram conquistadas com muito esforço de tantas pessoas e guiadas por sonhos grandes e ambiciosos. O que mais valeu a pena nessa trajetória foram os vínculos construídos com as pessoas da minha equipe, meus mentores, pares, gestores e parceiros e que permanecerão evoluindo", disse ela.

A executiva também destacou que encerrar é difícil, "mas também essencial, para abrir espaço para o novo ciclo, ciclo que me permitirá seguir sonhando, lutando e contribuindo para algo melhor, com uso de tecnologia para fazer diferença na vida das pessoas e de alguma forma estimular ambientes com mais colaboração, inclusão, diversidade e inovação."

Em nota, a Telefônica Brasil afirmou que André Kriger assumirá a vice-presidência de Tecnologia da Informação da empresa. O executivo reporta para o COO, Christian Gebara. Há quase dez anos na empresa, Kriger já dirigiu as áreas de fibra óptica, produtos fixos e móveis e também Atendimento a Clientes. É formado em Administração de Empresas pela FAE (Curitiba) e tem MBA pela Babson College.

 

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail