Home > Xandó: Avaliações e Opiniões

PapoFácil: Cisco WiFi 6 e Open Roaming destacadas evoluções chegam para os usuários

Cisco avança para a nova era das redes sem fio com o Wi-Fi 6 e Open Roaming

Flavio Xandó

17/07/2019 às 14h30

Foto:

Flavio Corrêa, Arquiteto de Soluções, fala da chegada do WiFi 6 e como tantas inovações podem aprimorar a qualidade, confiabilidade, velocidade e robustez das conexões neste que é o aniversário de 20 anos da tecnologia. Fala também da iniciativa Open Roaming que traz a interconexão transparente entre as redes móveis e WiFi com protocolos de conexão e autenticação automáticos.

Gravado dia 28/06/2019 na Cisco Brasil


PAPOFÁCIL #365 Cisco WiFi 6 e Open Roaming destacadas evoluções chegam para os usuários

 

Cisco avança para a  nova era das redes sem fio com o Wi-Fi 6 e Open Roaming

A Cisco anunciou soluções para ajudar os clientes a entrar na nova era da conectividade sem fio. O Wi-Fi 6 (também conhecido como 802.11ax), novo padrão para redes Wi-Fi, está redefinindo as possibilidades para empresas, impulsionando uma nova era de experiências imersivas sem fio e conectando bilhões de coisas. A Cisco também está expandindo o mais amplo portfólio de rede Campus da indústria ao oferecer um switch Core feito sob medida para redes em escala e orientadas à nuvem. Combinando software potentes de automação e analíticos com uma gama completa de switches, pontos de acesso e controladores de última geração para rede Campus, a Cisco oferece a única arquitetura fim-a-fim, pensada para o massivo e crescente volume de conexão sem fio, da indústria.
Desenvolvidos com os mesmos fundamentos de inovações sem fio do 5G, esses novos padrões irão transformar a maneira como empresas e pessoas interagem com o mundo. Além de ser significativamente mais rápido, o Wi-Fi 6 entrega uma capacidade até 400% maior e é mais eficaz em ambientes de alta densidade, tais como anfiteatros, estádios e até salas de conferência. A latência é muito menor, permitindo casos de uso que demandam aplicações em tempo real. O Wi-Fi 6 também permite menos uso de bateria dos dispositivos conectados e proporciona uma experiência de usuário melhor e mais previsível.
A Cisco lança hoje diversos produtos e parcerias para que as empresas possam oferecer uma experiência genuinamente desplugada e ininterrupta.
  • Wi-Fi 6 Access Points: Novos access points nos portfólios Catalyst e Meraki, fornecem o novo padrão de Wi-Fi 6 e vão além. Baseados em chipsets customizados e programáveis e acesso a recursos analíticos líderes de mercado, os mais recentes pontos de acesso (APs – access points) da Cisco proporcionam uma rede sem fio mais inteligente e segura. Os novos APs também são multilíngues, com a capacidade de se comunicarem utilizando múltiplos protocolos de IoT, incluindo BLE, Zigbee e Thread.
  • Switch Core para rede de campus: a Cisco eleva o patamar com o Catalyst 9600 da família de switch core, que será a base central e fundamental para a operação bem-sucedida de qualquer rede. Para proporcionar uma rede sem fio mais segura e eficiente, as organizações precisam de uma única malha (Fabric) que unifique as redes cabeadas e sem fio. Desenvolvido como a evolução do Catalyst 6000, o mais bem-sucedido produto de rede da história da internet, o novo Catalyst 9600 será a base para a próxima geração de redes corporativas baseadas em intenção.
  • Novos recursos para desenvolvedores: Wi-Fi 6 e 5G representam uma incrível oportunidade para os desenvolvedores. Para ajudá-los a criar as experiências imersivas que esses novos níveis de conectividade prometem, a Cisco DevNet está lançando um novo centro de desenvolvimento sem fio. A DevNet, rede de desenvolvedores da Cisco, oferece os laboratórios de aprendizagem, sandboxes e recursos necessários para os desenvolvedores criarem aplicativos sem fio disruptivos. As soluções Catalyst e Meraki são plataformas abertas e programáveis, chegando ao nível do chipset, permitindo assim que os aplicativos tomem vantagem da capacidade de programação de rede de uma maneira totalmente nova e muito interessante.
  • Novas parcerias no Ecossistema: antes do lançamento dos access points para Wi-Fi 6, a Cisco completou testes de interoperabilidade com Bradcom, Intel e Samsung para endereçar as deficiências inevitáveis que vem com um novo padrão. Samsung, Boingo, GlobalReach, Presidio e outros também estão aderindo ao projeto Open Roaming, comandado pela Cisco, para solucionar um dos principais problemas da tecnologia sem fio atualmente. O consórcio visa a facilitar a transmissão segura e imperceptível entre redes Wi-Fi e LTE, bem como a conexão à serviços Wi-Fi públicos.

“Cada salto na conectividade gerou uma onda de inovações profundas. O 5G e o Wi-Fi 6 representam uma nova era da conectividade”, afirma David Goeckeler, vice-presidente executivo e gerente geral da Divisão de Redes e Segurança da Cisco. “Os desenvolvedores já estão criando a próxima geração de experiências imersivas usando conexão sem fio. Com bilhões de coisas conectadas à rede, esse crescimento criará uma complexidade sem precedentes para a TI. A Cisco está construindo uma arquitetura de rede multidomínio para reduzir essa complexidade para a TI, fazendo com que os CIOs cumpram suas agendas de inovação.”

Padrão sem fio, orientado à nuvem, com otimização por dados

O Wi-Fi 6 e o 5G representam uma oportunidade enorme, mas requerem que as empresas enfrentem grandes desafios. Hoje, nosso escritório é qualquer lugar onde trabalhamos. Os usuários estão mais dependentes das experiências móveis e não toleram paralisações. Para atender a essas demandas, a rede precisa ser:

  • A conexão primária é sem fio (wireless first): hoje, as tecnologias móveis estão impulsionando o crescimento econômico – tornando mais fácil que trabalhadores colaborem, que consumidores comprem, que estudantes aprendam – em qualquer lugar. Para propiciar uma ótima experiência sem fio, a TI precisa olhar para além do Wi-Fi e solucionar todos os pontos da experiência fim-a-fim – impulsionando segurança, confiabilidade e desempenho com consistência.
  • Orientado à nuvem: a nuvem permite uma escala inédita. A Cisco utiliza a nuvem para entregar inovações com mais rapidez. A nuvem também ajuda a TI deixar de ser reativa para se tornar proativa, pois dá acesso a informações globais e melhores práticas que ajudam a lidar com problemas antes que eles afetem os usuários.
  • Otimização por dados: a rede oferece milhões de pontos de dados que contextualizam sobre usuários, suas experiências e suas vulnerabilidades. Usando analíticos potentes, conseguimos criar novas soluções que otimizem as operações de TI, suportem melhores decisões de negócio, forneçam soluções inovadoras seguras e que engajem os clientes de maneiras mais efetivas.
Nos últimos dois anos, a Cisco desenvolveu seu portfólio de redes baseadas em intenção para preparar os clientes para os desafios do futuro. Os novos pontos de acesso e switches campus da Cisco são projetados especificamente para redes baseadas em intenção e representam o auge dos esforços da Cisco para reinventar seu portfólio inteiro de acesso.

Disponibilidade, recursos para desenvolvedores e serviços

  • Os pontos de acesso Catalyst e Meraki, e o Catalyst 9600 já estão disponíveis para encomenda.
  • Cisco Customer Experience para wireless e switching acelera a implantação de soluções de rede baseadas em intenção da próxima geração, reduzindo o risco e a interrupção. O portfólio da Cisco Customer Experience fornece orientação especializada, melhores práticas e ferramentas inovadoras para que os clientes possam fazer a transição com maior facilidade e confiança. Isso também permite que eles inovem mais rápido, se mantenham competitivos, extraiam mais valor e obtenham um ROI mais rápido.
Materiais adicionais:

*este texto foi originalmente publicado em www.papofacil.com.br/2019/07/365-cisco.html

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail