Home > Xandó: Avaliações e Opiniões

PapoFácil: NVIDIA Virtualização de Workstations, produtividade e eficiência

Flavio Xandó

18/09/2017 às 12h53

Foto:

Nilton Guedes, Enterprise Channel Manager conta como podem ser virtualizadas sofisticadas estações de trabalho, por exemplo, em ambientes como VMware ou Citrix. São muitos os benefícios. Estações bem simples conseguem usar o poder do servidor virtual e da(s) placa(s) gráfica(s), que podem ser várias. Grandes empresas já estão trabalhando com este modelo de trabalho. Clique na imagem abaixo para assistir.

Gravado dia 08/09/2017 na sede da NVIDIA


PAPOFÁCIL #056 NVIDIA Virtualização de Workstations, produtividade e eficiência


NVIDIA Quadro vDWS transforma os servidores de placas de vídeo Tesla em estações de trabalho avançadas

 Disponível a partir dos principais OEMs de servidores, a Quadro vDWS permite que qualquer estação de trabalho ou aplicativo acesse conteúdos complexos remotamente, e o GRID vPC otimiza o custo total de propriedade do local de trabalho digital.

A NVIDIA anuncia novos recursos de software de virtualização que transformam servidores acelerados por placa de vídeoNVIDIA® Tesla® em estações de trabalho avançadas e fornecem aos departamentos de TI os recursos de que precisam para atender às demandas de um espaço de trabalho virtual em toda a empresa.

Certificado com centenas de aplicativos de estação de trabalho profissional, a NVIDIA Quadro® é o padrão do setor para visualização profissional corporativa há muito tempo. Agora, a  NVIDIA Quadro Virtual DataCenter Workstation Software (Quadro vDWS) oferece uma experiência sem paralelo executando gráficos virtualizados e cargas de trabalho de computação em qualquer estação de trabalho virtual ou laptop dos data centers acelerados por NVIDIA Tesla. Disponível para mais de 120 sistemas de 33 fornecedores, a Quadro vDWS oferece máximo desempenho para vários usuários corporativos na mesma placa de vídeo por um custo de propriedade mais baixo.

A Quadro vDWS permite maior mobilidade e colaboração entre equipes espalhadas pelo mundo. Ele também lida com fluxos de trabalho que fazem cada vez mais uso intensivo da computação (com seu crescimento exponencial em tamanho e complexidade de dados), associados a novas tecnologias para 3D, renderização fotorrealista, realidade virtual e deep learning. Esses fluxos de trabalho são especialmente comuns em campos como engenharia e ciência, nos quais, por exemplo, as simulações são conduzidas durante o processo de design para prever com precisão os produtos finais.

Com a tecnologia dos aceleradores de placa de vídeo Tesla baseados na arquitetura NVIDIA Pascal™, a Quadro vDWS oferece:

  • A habilidade de criar designs 3D e fotorreais complexos – Até 24 GB de memória de placa de vídeo para trabalhar com modelos grandes e imersivos.
  • Maior produtividade – Com até o dobro de desempenho gráfico em relação à arquitetura anterior de placa de vídeo da NVIDIA, os usuários podem tomar decisões melhores e mais rápidas.
  • Gráficos e cargas de trabalho de computação unificados – Compatível com gráficos acelerados e fluxos de trabalho de computação (CUDA e OpenCL) para simplificar o design e a simulação de engenharia assistida por computador.
  •   Melhor desempenho para usuários do Linux – O NVIDIA NVENCoferece melhor desempenho e densidade de usuários ao fazer offloading de codificação de vídeo H.264, uma tarefa com uso intensivo de computação, da CPU para usuários de estação de trabalho virtual Linux.

“As empresas estão se transformando.  Os fluxos de trabalho estão evoluindo para incorporar AI, fotorrealismo, VR e maior colaboração entre funcionários. A plataforma de visualização Quadro está evoluindo com as empresas para oferecer o desempenho necessário”, afirma Bob Pette, vice-presidente de visualização profissional da NVIDIA. “Com a Quadro vDWS em servidores habilitados por Tesla, as empresas podem lidar com conjuntos de dados maiores, alimentar os aplicativos mais exigentes e atender às necessidades de mais mobilidade.”

Com a Quadro vDWS, os clientes da NVIDIA como a ESIGroup podem oferecer suporte a vários engenheiros em uma única placa de vídeo, ao mesmo tempo em que acessam aplicativos avançados em tempo real e conduzem visualizações imersivas de produtos.

“Nossos clientes querem democratizar a realidade virtual em toda a empresa”, afirma Eric Kam, gerente de marketing de produtos de experiência imersiva da ESI. “Protótipos virtuais podem sofrer com problemas similares aos dos protótipos físicos: são relativamente caros e, muitas vezes, limitados a um local devido a exigências de hardware e software. Com a NVIDIA Quadro vDWS e a Tesla P40, nosso aplicativo VRify oferece a potência, o desempenho e a experiência do usuário de uma estação de trabalho física. Assim, os usuários podem facilmente gerenciar ativos 3D com muitos dados, integrar geometria complexa em ambientes virtuais, executar simulações de física com vários corpos em tempo real e, potencialmente, experimentar seus designs em VR pelo navegador sem estar presos a um único local.”

NVIDIA GRID vPC alimenta o espaço de trabalho virtual moderno

Ao mesmo tempo em que cargas de trabalho de fabricação e design estão ficando mais complexas, programas comuns como o Windows 10, o Office 365 e aplicativos de transmissão como o YouTube agora exigem aceleração gráfica para oferecer recursos, funcionalidade e uma ótima experiência virtual do usuário de PC para o local de trabalho virtual.

Para atender à crescente demanda por VDI acelerada por gráficos, a NVIDIA anuncia melhorias em seu produto NVIDIA GRID™ vPC. Ao aproveitar as novas melhorias no lançamento de agosto de 2017 do NVIDIA GRID e os aceleradores de placa de vídeo NVIDIA Tesla baseados em Pascal, o GRID vPC oferece:

  • Melhor densidade de usuários e dimensionamento – O Tesla P40 oferece suporte para até 24 instâncias de perfis de desktop virtuais de 1 GB, um aumento de 50% em relação ao Tesla M60. Aproveitando essa densidade de virtualização de gráficos líder de mercado, os departamentos de TI podem otimizar seu investimento em infraestrutura e oferecer desktops e aplicativos virtualizados acelerados por gráficos em toda a empresa.
  • Maior insight sobre vGPU – Ferramentas abrangentes de gerenciamento e monitoramento oferecem visibilidade de vGPU nos níveis do host e do convidado. Recursos de monitoramento no nível do aplicativo permitem à TI projetar, gerenciar e oferecer suporte à experiência de seus usuários finais de modo inteligente. Novas integrações com VMware vRealize Operations (vROps), Citrix Director e XenCenter possibilitam a flexibilidade e o controle a partir de uma visão unificada.
  • Melhor atendimento – Um novo agendador de recursos de placa de vídeo ajuda os departamentos de TI a ativar alocação consistente e íntegra de recursos vGPU para o usuário, prevenindo a latência e uma experiência de usuário degradada por um “vizinho barulhento”.

Soluções de placas de vídeo virtuais habilitadas por Tesla oferecem mais potência para mais usuários

As soluções NVIDIA Quadro vDWS e NVIDIA GRID vPC são projetadas para desempenho ideal com aceleradores de placas de vídeo Tesla baseados em Pascal.

Entrando para o grupo da NVIDIA Tesla P4, P40 e P100, chega a nova Tesla P6. Ela é projetada inteiramente para servidores blade e oferece 16 GB de memória, além de suporte para até 16 instâncias de perfis de desktop virtuais de 1 GB. Os aceleradores Tesla baseados em Pascal oferecem aos departamentos de TI os recursos gráficos e de virtualização de computação necessários para atender às demandas e dimensionar em toda a empresa.

Disponibilidade

As soluções Quadro vDWS e NVIDIA GRID vPC estão disponíveis hoje em mais de 100 sistemas de servidores ao redor do mundo, incluindo os da Cisco, Citrix, Dell, HP, IBM, Lenovo e outras, com suporte para novos recursos e funcionalidades baseados em Pascal a partir de 1º de setembro. No Brasil, a distribuição das licenças do software para a Quadro vDWS é feita pela Ingram Micro do Brasil.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail