COMUNIDADE

Gartner aponta ligeira queda no mercado global de dispositivos

Remessas de PCs, tablets e smartphones cairão 0,3% neste ano

As remessas globais de PCs, tablets e smartphones deverão atingir 2,3 bilhões de unidades em 2017, queda de 0,3% em relação a 2016, de acordo com previsão do Gartner, que afirma também que o mercado deverá retornar o crescimento em 2018 com um aumento de 1,6% nas vendas.

Ranjit Atwal, diretor de pesquisas do Gartner, comenta que, no geral, o crescimento do mercado de dispositivos está estável pela primeira vez em muitos anos. “As transferências de PCs estão ligeiramente mais baixas, enquanto as remessas de celulares estão ligeiramente superiores, que levaram a uma leve previsão de baixa nas previsões anteriores.”

Declínio do mercado de PCs
Os embarques de PCs estão em ritmo de queda de 3% em 2017, mas a taxa de declínio é mais lenta do que nos últimos anos, aliviada pelas compras para substituição do Windows 10. Os preços dos componentes, como a memória DRAM e os discos rígidos SSD, continuam a aumentar, trazendo fôlego para o mercado global de PCs e, em menor grau, ao mercado de smartphones.

“Os consumidores de PCs continuam a colocar qualidade e funcionalidade antes do preço”, disse Atwal. “Muitas organizações estão chegando ao final de seus períodos de avaliação para o Windows 10 e agora estão aumentando a velocidade na qual eles adotam novos PCs, pois enxergam os benefícios claros de uma melhor segurança e hardware mais recente”.

Smartphones seguem em alta
As vendas globais de smartphones crescerão 5% em 2017, atingindo quase 1,6 bilhão de unidades. As despesas dos usuários finais continuam a mudar de telefones de “utilidade” de baixo custo para smartphones “básicos” e “premium” mais baratos. O mercado de smartphones agora é mais dependente de novos dispositivos que oferecem algo diferente, pois os usuários estão ampliando seus ciclos de compras e precisam ser atraídos para fazer uma substituição.

O mercado “básico” de smartphones deverá registrar 686 milhões de remessas em 2017, um aumento de 6,8% em relação a 2016. “Os consumidores já aceitaram o maior valor alcançado pelas melhores capacidades de smartphones básicos, em comparação com dispositivos de utilidade low-end. Os preços médios de venda de smartphones de médio e alto alcance continuam a aumentar “, disse Roberta Cozza, diretora de pesquisas do Gartner. “As empresas chinesas estão crescendo com smartphones básicos com sensação premium e continuarão a fortalecer a mudança de telefones de dispositivos de baixo custo para smartphones básicos”, completa.

Comentários

Notícias Relacionadas

Copyright 2017 IT Mídia. Todos os direitos reservados.
É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da IT Mídia.