COMUNIDADE
Internet das Coisas abre oportunidades para o mercado corporativo

Internet das Coisas abre oportunidades para o mercado corporativo

Relatório da IDC projeta que as receitas provenientes da IoT ultrapassarão a marca de US$ 3.04 trilhões até 2020. Veja como sua empresa pode surfar nessa onda

Algumas pessoas ainda duvidavam do potencial da Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês). Atualmente, no entanto, ela já é vista como realidade, ideia sustentada pelo explosivo crescimento das tecnologias e pela infinidade de oportunidades relacionadas, que podem gerar bilhões em novas receitas. De acordo com novo relatório desenvolvido pela consultoria IDC, hardwares, softwares, serviços e questões relacionadas à conectividade e segurança da tendência irão gerar, no mercado global, crescimento anual de 13% no valor da receita, que saltará dos atuais US$ 1,3 bilhão em 2013 para US$ 3,04 trilhões em 2020.

A IDC define Internet das Coisas como uma rede de endpoints identificados de forma única, que se comunicam sem interação humana por meio da conectividade IP, seja de forma local ou global. Essa visão também engloba sistemas inteligentes, equipamentos de rede, serviços de conectividade, integração de dados e outros tipos de software, aplicações, serviços e funções de segurança. 
Com tantas possibilidades envolvidas e com a chance de capitalizar em cima de novas receitas, diversas empresas tentarão se estabelecer no mercado para atender às necessidades dos clientes.

“As oportunidades apresentadas pela IoT direcionam ampla atenção dos vendedores tradicionais e não tradicionais que buscam tirar vantagens das emergentes oportunidades de receita. Estamos nos primeiros estágios de maturação e a IoT representa oportunidades em áreas governamentais, de consumo e corporativas”, explica Vernon Turner, vice-presidente sênior de infraestrutura corporativa, consumo, redes, telecom e pesquisas de Internet das Coisas da IDC. 

A homogeneidade das necessidades de conectividade permite ao mercado impulsionar os desafios de adoção de IoT e estabelece o alicerce para o crescimento desse mercado. “Não irá haver um líder único nesse mercado, que irá confiar em parcerias, federações e serviços inovadores para criar soluções de IoT realmente valiosas”, explica Carrie MacGillivray, vice-presidente da IDC para IoT, Serviços Móveis & Infraestrutura. 

Descobertas adicionais do estudo incluem: 

• No mercado de IoC, uma série de vendedores, provedores de serviços e integradores de sistema precisa coexistir e integrar produtos e soluções para obter sucesso
• Startups trabalham para esculpir suas estratégias para atacar esse mercado e isso irá direcionar o passo de inovação de grandes corporações
Comentários

Notícias Relacionadas

Copyright 2017 IT Mídia. Todos os direitos reservados.
É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da IT Mídia.