COMUNIDADE

5 dicas para aumentar o engajamento e conquistar clientes

Engajamento vai muito além de seguidores em redes sociais e curtidas em uma postagem

Há algum tempo que o Brasil se encontra em um estado de grave recessão econômica. O mercado desaquece e isso reflete diretamente na receita das empresas, porém algumas ainda conseguem crescer mesmo nesse cenário. A principal forma para se fazer isso é retendo clientes, uma vez que manter um cliente é, em média, 5 vezes mais barato que adquirir um novo. Por isso a importância de manter sempre se preocupar em aumentar o engajamento entre empresa e clientes.

Uma das grandes preocupações das empresas não é apenas gerar visitantes para o site, blog, ou para as redes sociais, mas também criar uma comunidade engajada ao redor da empresa. Isso resulta não só em um público fiel com uma ótima relação, como gera também promotores da marca.

Segundo Terry Vavra, uma pessoa promotora (aquela que fala bem e/ou recomenda sua marca) influencia em média 5 pessoas. Isso significa que manter um engajamento com seu público pode criar uma comunidade de promotores, o que ajudará na aquisição de novos clientes, aumentando assim os seus lucros.

Mas o que é de fato o engajamento?

Engajamento vai muito além de seguidores em redes sociais e curtidas em uma postagem. Trata-se realmente de um relacionamento com o público de interesse, uma relação relevante, quase de amizade, entre pessoa e empresa. Trouxemos 5 formas de aumentar o engajamento com seu público e conquistar novos clientes.

  • Conteúdos de qualidade
  • Aplicativo mobile
  • Call to action (CTA)
  • Chatbots
  • Interação pessoal

1. Conteúdos de qualidade

O primeiro passo para conseguir o engajamento desejado, sem dúvidas, é oferecer conteúdos relevantes para o seu público, entregar valor de verdade, falar o que o ele precisa ouvir. Para isso, deve-se começar segmentando bem que tipo de pessoa sua empresa quer atingir, definir as personas do seu negócio e desta forma entender o que estas personas precisam. Ao começar a produzir os conteúdos, siga estas dicas sempre que possível:

  • Use um título chamativo e que desperte curiosidade: a curiosidade é uma das principais formas de chamar a atenção das pessoas.
  • Faça perguntas e enquetes: produza conteúdos que provoquem a interação com os visitantes, sem se esquecer de entregar valor a esses visitantes.
  • Utilize assuntos do momento: aproveite memes, séries de TV e filmes que estão em alta, os trending topics do Twitter, para saber como atingir mais pessoas.

Mas atenção: essas técnicas são muito interessantes para criar o interesse dos visitantes, e várias outras técnicas de copywriting podem ser utilizadas para prender a atenção dos leitores ao longo do texto. Porém o que os transforma em fãs é produzir um conteúdos incríveis e que realmente solucionem seus problemas. Ou seja, elas devem ser usadas apenas como formas de complemento ao seu conteúdo.

2. Aplicativo mobile

Não podemos deixar de notar que o mercado de smartphones cresce cada vez mais. Existem várias estatísticas referentes ao mercado mobile, então segue uma pequena lista de algumas relevantes:

  • Segundo a Google Consumer Barometer, pesquisa encomendada pelo Google, em 4 anos, o número de pessoas que usam smartphones no Brasil aumentou em 3,5 vezes. Em 2012 eram 14% dos brasileiros, e subiu para 62% em 2016;
  • No final de 2014 o Brasil já era o 6º mercado mundial de smartphones, superado apenas por China, EUA, Índia, Japão e Rússia;
  • Segundo o Teleco, aproximadamente 90% dos aparelhos celulares no Brasil são smartphones;
  • De acordo com a Fundação Getúlio Vargas, em 2018 a projeção é que a densidade de dispositivos conectados à internet será de 2 por habitante, alcançando 416 milhões de aparelhos

Esses são apenas alguns números que mostram que uma das principais formas de facilitar a comunicação com seu público é investir no mercado mobile. Ter um site responsivo ou uma versão mobile do seu site é o primeiro passo. Porém, ainda melhor que sites, os aplicativos mobile podem ser a solução ideal para facilitar a comunicação e interação com o público.

Aplicativos são mais rápidos, estão sempre a um “dedo” de distância, e oferecem uma infinidade de possibilidades de interação: reservas de serviços, mensagens, push notifications, interação com beacons, chatbots, etc.

3. Call to action (CTA)

Algumas vezes as pessoas “caem de paraquedas” no seu site, e também é fato que visitantes comuns do seu site não vão ficar procurando como interagir com sua empresa.

Desta forma, é muito pouco provável que elas tenham interesse em começar qualquer relação de engajamento e é aí que entram os chamados “Call to Action”, elementos na página com o objetivo de atrair atenção do seu visitante e incentivar a interação dele com você.

Esses elementos podem ser trechos de textos, frases ou botões por exemplo. A ideia é basicamente utilizar verbos imperativos para convocar o leitor a executar uma ação, por exemplo “Entre em contato”, “Comente este post”.

4. Chatbots

A agilidade nos processos de atendimento ao cliente é essencial. Nesse sentido, os chatbots têm revolucionado a forma como grandes empresas lidam com seu público, já que eles têm resolvido problemas de clientes de forma muito mais prática.

Os chatbots são robôs que atuam dentro dos seus aplicativos de mensagens favoritos. Eles permitem que ocorra uma interação entre público-alvo e marca, sem a necessidade de uma pessoa real para fazer o primeiro contato.

Algumas formas de aproveitar dos chatbots para ajudar no atendimento são:

  • Geração de leads;
  • Marketing e vendas;
  • Pesquisas de satisfação;
  • Agendamentos e reservas;
  • Pedidos de orçamento;
  • Qualificação da base de dados

5. Interação pessoal

Por mais que os chatbots possam ser utilizados para atender a necessidades mais imediatas do seu público, é indispensável que haja também interações pessoais. De modo geral, as pessoas gostam de interagir umas com as outras.

Seu público não é diferente, logo ele precisa ter a sensação de que está interagindo com uma pessoa e não apenas com um computador ou com uma empresa. Dê atenção às pessoas que interagem com você, mostre que por trás da máquina existem pessoas.

Portanto, não se esqueça de responder, comentar e interagir com as pessoas. Empresas são feitas de pessoas, e isso deve ficar claro para sua audiência.

O que achou dessas dicas? Como você promove o engajamento entre sua marca e seu público? Comente aqui embaixo.

*Matheus Guerra é gerente de marketing da Usemobile

Comentários

Notícias Relacionadas

Copyright 2017 IT Mídia. Todos os direitos reservados.
É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da IT Mídia.