x

Publicidade

Internet Industrial é estratégica, CEO da Dassault Systèmes AL

Por

em Transformação digital

21 nov 2017 3 semanas atrás

A verdadeira transformação digital na indústria, que permitirá aos fabricantes operar de forma mais eficiente e entregar produtos para o mercado mais rapidamente, será conduzida pela Internet Industrial. É o que defende Marcia Flesch Grillo, CEO da Dassault Systèmes para América Latina.

“Em primeiro lugar, a Internet Industrial é uma questão estratégica, uma vez que trata da competitividade das empresas em um ambiente de negócios novo, mais dinâmico e agressivo”, desafia a executiva.

A Internet Industrial, segundo ela, é um novo modelo de produção industrial que utiliza as tecnologias mais modernas para permitir a entrega de novos produtos e serviços ao mercado. Envolve tecnologias disruptivas como Internet das Coisas (IoT), manufatura aditiva (impressão 3D), novos materiais, computação em nuvembig data, mas não é puramente relacionada à tecnologia.

Para que os fabricantes se integrem e se beneficiem das tecnologias disruptivas da Internet Industrial, destaca Marcia, uma plataforma de negócios é um recurso vital para se manter competitivo. “Essas plataformas de negócios, como a nossa 3Dexperience, permitem às empresas ter um único espaço central em que estão dados, projetos e informações de produção”, diz.

O diferencial da plataforma da empresa, prossegue a executiva, é que ela remove barreiras entre grupos, elimina dados duplicados ou desatualizados, possibilita a colaboração entre equipes e permite visibilidade em tempo real nos progressos e no cronograma de produção. “Ela, de fato, suporta o processo de negócios de nossos clientes.”

Internet Industrial no foco

A Dassault Systèmes participa de cerca de 50 iniciativas de manufatura em todo o mundo dedicadas ao avanço de tecnologias e processos de produção de classe mundial. A empresa possui aplicações de transformação digital nos segmentos automotivo e no de equipamentos industriais e aeroespacial, setores com alta concorrência e características específicas dos processos de produção.

“Outros segmentos, como papel & celulose e químico, mostram grande interesse no assunto. Essas indústrias de processos estão adotando os conceitos da 4ª Revolução Industrial para gerenciamento de ativos e áreas ligadas à manutenção”, diz Marcia. Nesse cenário, ela alerta para dois pontos em que as empresas devem se concentrar para enfrentar os desafios econômicos e se beneficiar das oportunidades da Indústria 4.0: liderança e visão estratégica.

“As organizações precisam entender que a transformação digital não é apenas uma nova tecnologia. Ela pode exigir equipamentos modernos no chão de fábrica, mas seu valor principal é a transformação digital que pode proporcionar a todas as empresas, afetando sua competitividade”, revela e acrescenta: “Os modelos de negócios e as políticas industriais de incentivo à inovação ainda precisam ser desenvolvidos ou otimizados”.

O motor IoT

A Internet das Coisas estará em um futuro próximo tão difundida quanto a internet hoje, na visão da CEO da Dassault Systèmes. A maior parte das empresas, produtos e serviços, segundo ela, terá sua estratégia para IoT, mas nenhum deles realmente irá controlar essa tecnologia ou será controlado por isso.

“Quem permanecer fora da IoT simplesmente irá parar de participar de um dos mais importantes ambientes de negócios e colaboração dessa década e nas próximas”, sentencia.

O que realmente diferenciará as empresas, prossegue a executiva, é qual delas será capaz de aproveitar o poder da IoT de forma mais eficaz. “A criação de produtos que se comunicam entre si é o primeiro passo, mas o próximo é obter uma visão desse novo oceano de dados.”

Quem vai deter grande vantagem competitiva na nova era? As empresas capazes de centralizar esses dados e analisá-los para obter novos conhecimentos sobre o comportamento de seus clientes – ou para os fabricantes, determinando as ineficiências em seus processos de design e produção, responde Marcia.

A Transformação Digital pode ajudar a reduzir significativamente os custos de design e tempo de ciclo no desenvolvimento de produtos, ao mesmo tempo em que melhora a qualidade com serviços inovadores de engenharia, consultoria transformadora e automação. É o que acredita a executiva à frente da Dassault Systèmes no Brasil e AL.

Receba grátis as principais notícias do setor de TI

Notícias por push

Ativar