Home > Notícias

Edward Snowden está disposto a repetir vazamento de documentos da NSA

Gabriela Stripoli

10/03/2014 às 18h23

Edward Snowden está disposto a repetir vazamento de documentos da NSA
Foto:

Por meio de uma conversa usando o Hangouts, plataforma do Google, e em frente de uma cópia ampliada do primeiro artigo da Constituição dos Estados Unidos, o dissidente Edward Snowden afirmou que a criptografia funciona e representa “defesa contra as artes obscuras do mundo digital”, mas precisa de melhoras.

Snowden, ex-membro da Agência de Segurança dos Estados Unidos (NSA, na sigla em inglês), que acessou e divulgou diversos documentos detalhando programas de espionagem e monitoramento, respondeu a perguntas da plateia durante uma conferência sobre liberdade no Austin, no Texas. Ele reforçou que o governo norte-americano não sabe ainda quais documentos foram tomados por ele da agência porque “a criptografia funciona”.


O dissidente, que está na Rússia e foi conectado ao painel do evento via múltiplos proxies para se proteger do rastreamento virtual, também convocou os acadêmicos a criar soluções para reforçar a criptografia, uma vez que os algoritmos geradores de números randômico hoje usados já foram comprometidos.


Quando questionado se ele se arrependeu de tornar públicos os arquivos que lhe tiraram a liberdade, uma vez que ele é procurado pelas autoridades dos EUA e pode sofrer penas altíssimas segundo a legislação do país, Snowden é enfático: “faria tudo de novo”. Isso porque, para ele, o público no geral se beneficiou de suas denúncias. Ele insistiu que o programa da NSA não é eficiente, mas espiona governos e cidadãos em todo o mundo.


Dentre as denúncias de Snowden está a espionagem a chefes de governo e autoridades chaves de países aliados aos EUA, como Brasil e a presidente Dilma Rousseff, além da colaboração de algumas empresas de tecnologia como Microsoft e Facebook na liberação de dados dos usuários que circulam em seus produtos tecnológicos.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail