Home > Notícias

Em parceria com USP, Telefônica Vivo expande estratégia de smart cities no Brasil

Karen Ferraz

04/12/2014 às 17h01

Em parceria com USP
Foto:

A Telefônica Vivo fechou um acordo de cooperação técnica com
a Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (EPUSP) para impulsionar projetos
e metodologias baseados em tecnologias digitais com foco em smart cities.

O acordo inclui a criação de um laboratório, que será
implantado no primeiro trimestre de 2015. O objetivo do espaço é fomentar a implantação
e estudo de projetos piloto para endereçar problemas urbanos na plataforma de
Smart City da Telefônica Vivo.

Dentre as áreas de pesquisa, a prioridade será iluminação
pública de municípios, com extensões para as áreas de segurança e energia e,
posteriormente, temas da gestão municipal.  As atividades realizadas também incluem a criação
de indicadores de avaliação.

“A parceria com a Escola Politécnica para chancelas técnicas
dará um peso enorme para o tema das Smart Cities, ajudando-nos a aprofundar
conhecimento na área e estimulando ainda mais os processos de inovação na
empresa”, afirma Antonio Carlos Valente, presidente da Telefônica Vivo.

A Escola Politécnica já realiza diversos projetos de melhoria
da gestão em energia e iluminação pública tanto na capital quanto em outros
municípios de São Paulo. Além disso, a Universidade Politécnica de Madri (UPM),
conveniada com a Poli, também irá contribuir com ao acordo.

“Esse tipo de parceria é muito importante para a
Universidade, pois permite aproximar os alunos e pesquisadores das demandas
atuais da sociedade, produzindo trabalhos de grande valor agregado para a
relação universidade-sociedade”, afirma o professor Luiz Cláudio Ribeiro
Galvão, pesquisador do Grupo de Energia do Departamento de Engenharia de
Energia e Automação (GEPEA) da EPUSP.

Telefónica e smart cities

Telefónica já possui projetos de Smart Cities na Espanha,
como na cidade de Santander, considerada hoje uma das cidades com mais recursos
de gestão inteligente do mundo. O projeto, conduzido pela telco em  2010, contou com a participação de 25
organizações de 10 paíse e resultou na instalação de mais de 20 mil sensores,
em serviços ligados a estacionamento, qualidade do ar, monitoramento do tráfego
e iluminação.

No Brasil, a companhia de telecom realiza projeto semelhante
no município de Águas de São Pedro, em São Paulo. A empresa está investindo cerca
de R$ 2 milhões no Projeto Cidade Digital da Telefônica Vivo, que incluirá
modernização dos serviços de conexão e voz e implantação de 20 soluções
digitais nas áreas de educação, saúde e gestão pública.  

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail