Home > Notícias

Entenda a diferença entre o Wi-Fi convencional e o Wi-Fi Mesh

Ambos distribuem sinal de internet pela casa, porém fazem isso de maneira diferente

07/01/2019 às 9h22

Foto:

Os usuários de dispositivos móveis costumam ter um desejo em comum: possuir internet de qualidade em todos os cômodos da casa. Para isso, além do cabo de rede, moradores normalmente instalam um aparelho com Wi-Fi para que a internet seja distribuída por todos os ambientes sem ser necessário o uso de cabos.

Esse tipo de conexão é chamada de Wireless. Ela transmite informações por meio de equipamentos que usam radiofrequência para conectar um dispositivo a outro. Para a distribuição de internet, o equipamento usado é o roteador. Mesmo ele tendo o Wi-Fi configurado, é comum que existam problemas de conexão em alguns pontos da casa, nos quais o sinal de internet enviado pelo roteador acaba sendo mais fraco. Para resolver esse problema foi desenvolvida a tecnologia Wi-Fi Mesh.

Assim como o Wi-Fi, que distribui a internet pelos cômodos por meio do sinal transmitido pelo roteador, os aparelhos que possuem a tecnologia Mesh também se conectam a um roteador, porém, a distribuição não é feita a partir apenas dele. Para montar a rede Mesh, são usados pelo menos mais dois aparelhos, como é o caso do COVR, solução lançada pela D-Link e que já está disponível no Brasil.

Composta por três dispositivos pontos de acesso, que devem ser instalados em diferentes ambientes da casa, a tecnologia Wi-Fi Mesh criada pelo COVR fornece conexão estável em todo o perímetro em que está instalada, independente do usuário estar em movimento ou não. Cada ponto da rede envia sinal de internet de qualidade aos dispositivos conectados. A transição entre esses pontos acontece de forma fluída, sem que o usuário sinta a mudança de rede enquanto se movimenta dentro do ambiente, pois não há queda de velocidade ou sinal.

COVR-C1203, lançada pela D-Link, que atua com tecnologia Mesh

Essa é a principal diferença entre a Rede Wi-Fi comum e o Wi-Fi Mesh. O Wi-Fi comum distribui o sinal até o seu limite de alcance mesmo que a qualidade da conexão seja prejudicada. O Wi-Fi Mesh busca o ponto de acesso mais próximo do usuário para garantir sinal de melhor qualidade.

O gerente de Marketing e Produtos da D-Link, Rodrigo Paiva, explica a vantagem desse sistema: “A tecnologia Mesh funciona como uma malha em que cada ponto é um nó de conexão que distribui a velocidade de acesso à internet de acordo com a necessidade de cada aparelho conectado. Um sistema Mesh oferece conexão com uma qualidade excepcional, resolvendo assim uma série de queixas feitas pelos usuários do sistema Wi-Fi convencional – por exemplo o alcance de sinal em todos os ambientes”.

Para instalar uma rede Wi-Fi Mesh em sua residência, basta adquirir pontos de acesso como o COVR-C1203 oferecido pela D-Link. Por meio desse sistema, os problemas de conexão frequentes serão resolvidos. “O COVR é a solução ideal para a residência inteligente, pois oferece conectividade perfeita, confiável e de alta performance para todos os dispositivos. Wi-Fi na casa toda, de verdade", aponta Rodrigo Paiva.

Tags
Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail