Home > Notícias

Fique atento com a segurança da sua empresa. Veja essas 4 dicas

CTO da Alert System mostra como é possível prevenir situações indesejadas

27/04/2018 às 9h36

Foto:

A tecnologia é uma grande aliada para a sociedade e caminha para um grau de complexidade mais avançado com a criação de produtos e serviços com alto valor agregado. Mas, neste contexto em que empresas e pessoas estão cada vez mais conectadas e interdependentes é essencial estar atento às possíveis vulnerabilidades dos sistemas para garantir que as informações permaneçam seguras.

De acordo com Wagner Silvério de Faria, CTO da Alert System, empresa especializada em sistemas de segurança baseados em IoT, é possível prevenir situações indesejadas e vulnerabilidades adotando alguns cuidados essenciais. Abaixo, elencamos algumas das medidas básicas recomendadas pelo executivo e que você pode adotar para garantir uma maior segurança das informações:

1. Crie senhas seguras

Datas de aniversário, nome do cachorro ou 12345 não devem ser usados como senhas para sistemas e aplicações corporativas. Isso porque os hackers estão mais do que acostumados a decifrar esse tipo de código.
Sendo assim, oriente todos os profissionais da empresa a usarem senhas mais complexas, contendo:
letras maiúsculas e minúsculas;
números;
símbolos.

Algo como @56KHgRpf torna mais difícil o trabalho de qualquer invasor, pois não segue um padrão determinado, dificultando o acesso não autorizado.

2. Evite aplicações não confiáveis

Uma rápida busca pela internet vai trazer uma série de aplicações que podem ser baixadas e instaladas no computador em questão de segundos. No entanto, o que os usuários não consideram é a confiabilidade desses recursos e a credibilidade de seus fornecedores. Na hora de usar qualquer recurso vindo da internet, analise se você não está adquirindo um PUA (Potentially Unwanted Application) ou, em bom português, uma Aplicação Potencialmente Indesejada.

Uma aplicação desconhecida pode fazer uso da sua rede para extrair informações confidenciais, implantar vírus e malwares ou ainda danificar seus servidores.

3. Implemente firewalls e anti-malwares

É imprescindível que sua rede seja protegida com recursos como firewalls e anti-malwares, afinal, as ameaças vêm de todos os lados. Um site com vírus pode infectar sua rede, assim como a abertura de uma mensagem de pishing.

Um colaborador que acesse o e-mail ou qualquer sistema da empresa em casa, em um computador infectado, também pode comprometer a segurança da sua empresa.

Diante disso, camadas de proteção são necessárias para evitar que esse tipo de descuido venha a comprometer a sua base de dados e a operação da empresa.

4. Faça backup

Por mais que todos os dispositivos de segurança estejam em dia, não deixe de fazer backup de toda a informação da empresa. Mesmo que a tecnologia avance rápido para cobrir as falhas existentes, ela também caminha na mesma velocidade para as pessoas mal intencionadas.

Isso significa que, mesmo tomando todas as medidas preventivas e dando a devida importância à segurança na internet, pode ser que você venha a sofrer com ciberataques.

O melhor, então, é ter o backup de toda a operação da empresa não em um, mas em pelo menos três lugares distintos e seguros. Pode ser em um servidor externo à empresa, um na nuvem e outro local.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail