COMUNIDADE

Senac investirá R$ 9,5 milhões em novo sistema de educação

O desenvolvimento do projeto será 100% entregue em dezembro de 2019 e impactará 1 milhão de alunos da entidade em 25 estados

Concorrendo com outras duas empresas no processo licitatório, a DB1 Global Software venceu a concorrência aberta pelo Senac Mato Grosso do Sul para desenvolver o Sistema de Educação do Senac, inicialmente atendendo 25 estados.

Com um contrato avaliado em R$ 9,5 milhões, trata-se de um dos maiores sistemas de gestão educacional do Brasil, que vai impactar diretamente mais de 1 milhão de alunos em programas de capacitação técnica profissional, além do corpo docente e área administrativa.

O desenvolvimento do projeto será 100% entregue em dezembro de 2019, contemplando o desenvolvimento de um novo sistema, em linguagem C#, que integrará os sistemas já existentes, como o de gestão empresarial (ERP, Enterprise Resource Planning, na sigla em inglês) já contratados pela instituição, ficando posteriormente a implementação e sustentação. Para o desenvolvimento do projeto, a DB1 vai abrir 42 vagas para desenvolvimento de software em Maringá (PR) e em Campo Grande (MS). A previsão é que até o início de 2018, todos os colaboradores já estejam contratados.

“Atualmente, esse é um dos maiores programas e um dos mais estratégicos para o Senac nacionalmente. Para acompanhar de perto a gestão do projeto, que está sendo gerenciado pelo Senac MS, dois comitês estarão envolvidos: um comitê técnico, composto por gerentes de TI de cada estado e um comitê estratégico, com a participação de diretores regionais”, explica Giulliano Cassio de Souza Rosa, diretor de Sistemas Integrados de Gestão do Senac MS.

Para Marcio Bortolasci, CEO e diretor-executivo da TechGov, empresa do grupo DB1 que está à frente do projeto, trata-se de um dos maiores projetos da empresa, motivo de orgulho e muita responsabilidade. “Esperamos contribuir para a governança corporativa do Senac. Nossa meta é atingir um novo patamar de qualidade e entrega para o Senac, contribuindo para revolucionar a educação profissional do País.”

Integração

Há alguns anos, o Senac vem unificando suas operações, com a padronização da marca, a integração da rede de EAD e do modelo de ensino (hoje, um curso ministrado no Acre tem o mesmo formato e conteúdo de um ministrado no Rio Grande do Sul, por exemplo).

“Tínhamos sistemas educacionais diferentes e não integrados, o que dificultava a operação do Senac. A partir dessa premissa, surgiu a necessidade de desenvolver um sistema educacional unificado de acordo com a legislação vigente para educação profissional, que é totalmente diferente das regras para o ensino médio ou educação superior. Era preciso desenvolver um novo projeto, já que não há no mercado um modelo totalmente aderente ao negócio do Senac”, conta o executivo.

Para Giulliano, a DB1 mostrou seu profissionalismo desde o início, com atendimento sempre pronto para ajudar e com grande conhecimento técnico.

Comentários

Notícias Relacionadas

Copyright 2017 IT Mídia. Todos os direitos reservados.
É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da IT Mídia.