COMUNIDADE

U&M leva os ambientes SAP para a nuvem Microsoft

Com apoio da BasisIT, empresa do grupo AX4B, U&M adotou o modelo híbrido de nuvem, com ambientes locais e on-line funcionando integrados

A U&M Mineração e Construção S/A, empresa brasileira com mais de 40 anos de experiência e atuação focada em mineração, levou os ambientes do ERP SAP para a nuvem após decidir atualizar a versão do ERP.

Ednaldo Teixeira, responsável técnico pelo projeto da U&M, precisava atualizar o ambiente SAP e ajustar os custos de infraestrutura e por isso decidiu migrar alguns ambientes SAP para a nuvem. Para apoiar o projeto a U&M escolheu a BasisIT, empresa do grupo AX4B, especializada em SAP.

Após analisar os ambientes e fazer o levantamento técnico junto com o time da U&M, Thiago Gugliano, diretor da BasisIT, identificou a oportunidade de unificar o projeto de migração para a nuvem com a atualização dos ambientes.

“Após receber da U&M a solicitação de atualização SAP EHP8, entendemos que seria importante realizar algumas atualizações da infraestrutura (versão do banco de dados e sistema operacional) e também seria importante para a U&M realizar a atualização do SAP com o enhancement package 8 (pacote de atualizações do SAP)”, detalha.

Ele completa dizendo que como os ambientes estavam em versões muito antigas, a companhia entendeu que poderia ter dificuldades para projetos no futuro. “O primeiro passo, na nossa análise, foi entender que a migração para a nuvem faria mais sentido se o ERP e os componentes da infraestrutura estivessem atualizados, oferecendo benefícios reais para a operação da empresa”, explica o executivo.

Projeto

O projeto de atualização e migração para a nuvem foi efetuado simultaneamente, com os ambientes ERP Desenvolvimento, Qualidade e Solution Manager na nuvem e o ERP Produtivo local. Com esse modelo, a empresa passou a operar em formato de nuvem híbrida, que consiste na junção de ambientes online e locais com plataformas diferentes (intel/risk).

Hoje, a U&M tem muito mais segurança nos ambientes do ERP, pois além de estarem com o SAP e a infraestrutura atualizadas, tornaram o modelo híbrido de infraestrutura como um diferencial em questões de custos e processamento. O ambiente funciona de maneira íntegra, com custos controlados e velocidade no provisionamento de recursos.

Segundo Carolina Zacharias, diretora responsável pelo projeto, a ideia é migrar todos os ambientes para a nuvem em um futuro breve. “Após o trabalho feito em parceria com a BasisIT, entendemos que havia muito valor na migração dos nossos ambientes para a nuvem e que isso seria uma vantagem competitiva. Já estamos nos organizando para iniciar projetos de migração dos outros ambientes para o Microsoft Azure”, comenta Carolina.

 

 

 

Comentários

Notícias Relacionadas

Copyright 2017 IT Mídia. Todos os direitos reservados.
É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da IT Mídia.