Home > Notícias

O futuro é a Internet das Coisas (IoT)

A era digital já revolucionou nossas vidas, mas se você acha que já não há mais nada pode te surpreender, você mal pode esperar pelo futuro dominado pelo IoT

ABStartups

12/02/2019 às 7h30

Foto:

IoT é o futuro. Vivemos na era digital. Já não interagimos mais com o mundo físico da mesma forma - usamos comando de voz com nossas televisões e celulares, não precisamos sequer digitar a senha dos cartões, sensores e chips estão em toda parte e processam nossas informações, na nuvem.

Nesse cenário em que o mundo físico se torna cada vez mais digital, vemos surgir a tendência do presente e o que será nosso breve futuro: o IoT (Internet of Things). A abreviação para internet das coisas, é uma terminologia que surgiu no final dos anos 90, criada por Kevin Ashton.

Basicamente, a internet das coisas permite que dispositivos (aparelhos de uso doméstico, aparelhos físicos e outros eletrônicos, sensores e softwares) sejam controlados por outras máquinas dentro da mesma rede. Esses dispositivos podem controlar e trocar informações e podem se comunicar pela rede com infinitas possibilidades.

Assim, os eletrodomésticos da sua casa estarão funcionando automaticamente entre si, seu pet vai receber alimentação mesmo se você não estiver em casa, sua cama vai controlar seu sono, carros sem motoristas serão comuns e por aí vai…

Relatório Digital Global 2019

A We are Social, a maior agência especializada em social media do mundo, acabou de lançar seu report que avalia o setor de digital pelo mundo. E nesse cenário, os números são surpreendentes: somente em 2018, tivemos 360 milhões de novos usuários online, o que significa que hoje, 57% da população mundial está conectada a internet.

Com isso, a máxima que dizia que “você não existe se não estiver online” se torna cada vez mais real. Dois terços da população mundial usa celulares e só em 2018 o número de usuários nas redes sociais aumentou em mais de 280 milhões.

  Report completo aqui: https://wearesocial.com/global-digital-report-2019

Startups e empresas de olho no IoT

Startups se destacam por serem disruptivas, então obviamente o universo do IoT já é realidade para muitas delas. Não só o segmento está crescendo, são mais de 92 startups oferecendo soluções de conectividade no nosso banco de dados. (Para saber mais, acesse o StartupBase)

Na semana passada, recebemos a notícia que a LinkApi, recebeu seu primeiro aporte de R$5 milhões. Com o investimento, a startup pretende investir ainda mais no aprimoramento de sua tecnologia.  Hoje ela permite que sejam feitas integrações SaaS (Software As A Service/Software como Serviço) com SaaS, datasync, IOT (Internet Of Things/ Internet das Coisas), analytics e data migration.

O que o IoT é capaz de fazer

→ Inteligência artificial se tornará tendência

De cafeterias a geladeiras, a iluminação e temperatura das casas, todos os os dispositivos inteligentes conectados á internet vão aprender os hábitos e padrões dos seus usuários e responder de  acordo com o aprendizado. Isso significa que esses equipamentos começaram a aprender através de processos sem sequer precisar ser programados por uma pessoa.

→ Cidades inteligentes

As cidades vão se tornar inteligentes. Todos os dispositivos de coleta de informações - câmeras de vigilância, semáforos, radares, alarmes - tudo estará conectado e integrado pela internet.

→ Carros autônomos

Especialistas dizem que essa tendência será difundida já em 2020. Os carros conectados à internet terão a capacidade de serem acionados automaticamente. Além disso, terão suas funções melhoradas, tudo conectado e aprendendo com o hábito. E o ápice da tecnologia já vem sendo testada: a condução autônoma. Adeus, motorista!

O perigo mora ao lado

Como toda tecnologia, o IoT tem um lado negativo bem preocupante - segurança de dados. Como o avanço da tecnologia tem acontecido em pouco tempo, a questão de segurança já é um problema.

Privacidade, violação de dados e ataques cibernéticos são temas que precisam ser abordadas cada vez mais a partir de agora. É importante entender os problemas de segurança para impedir que vírus e hackers ataquem e acessem dados pessoais e até mesmo controlar quem terá acesso às informações.  

E ai, preparado para esse futuro?  

 

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail