Home > Notícias

Rede La Salle reduz custos com tecnologia de envio de SMS da Zenvia

Editorial IT Forum 365

25/09/2017 às 12h31

Foto:

Há dez meses, a Rede La Salle – instituição filantrópica de ensino, com sede no Rio Grande do Sul, que reúne mais de 41 mil alunos – se viu diante de um impasse. O envio do boleto aos cerca de 35 mil alunos pagantes não poderia mais ser realizado pelos Correios, devido ao alto preço da taxa de postagem e das novas regras do boleto com registro. Segundo as novas normas, a necessidade de realizar envios registrados traria um custo adicional de R$ 260 mil reais por ano, inviabilizando a realização de outros projetos.

Para não prejudicar os estudantes por conta do redirecionamento de verba, a instituição buscou na tecnologia a solução. A alternativa inicial era disponibilizar o boleto somente no portal do aluno, mas isso exigiria dos responsáveis realizar o acesso mensalmente, mediante uso de login e senha, escolha e geração da parcela, impressão e pagamento no bankline. Não era o suficiente para a instituição de ensino. A segunda hipótese era utilizar o aplicativo mobile da Rede La Salle, mas todos necessitariam instalar o aplicativo em seus celulares.

“Então, chegamos à conclusão de que o envio do SMS, como um agregador ao portal do aluno, seria a melhor forma para nos comunicarmos com os pais e responsáveis para encaminhar a linha digitável do boleto, porque assim eles já conseguiriam realizar o pagamento. Avaliamos em torno de seis empresas, mas a tecnologia de envio de SMS da Zenvia foi a que se mostrou mais adequada à nossa realidade, por atender todas as nossas necessidades”, reconhece Marcone Luis Theisen, coordenador de Tecnologia da Informação da Rede La Salle.

Redução de custos

Além de diminuir os gastos na ordem de R$ 22 mil reais por mês com a adoção do SMS, a mudança de sistema para encaminhamento do boleto com a plataforma da Zenvia - companhia brasileira que viabiliza a comunicação entre empresas e consumidores por meio de seus dispositivos móveis - trouxe outros benefícios. Agora, a Rede La Salle consegue controlar o envio por unidade e saber, em ambiente único, a quantidade exata de SMS que cada colégio ou universidade encaminhou por mês. Além disso, o pagamento é centralizado na sede, para que depois seja feito o rateio por centro de custo.

“Uma outra vantagem é que o envio não precisa ser feito um a um. A Rede La Salle gera um arquivo no sistema acadêmico e o importa para a plataforma da Zenvia, com a possibilidade de cada unidade gerar o próprio arquivo e encaminhar os boletos no momento mais oportuno, de forma automatizada”, explica Rafael Barin, gerente de Vendas na Zenvia.

Os benefícios também foram percebidos pelos responsáveis dos alunos. Segundo Marcone Luis Theisen, vários pais gostaram muito da novidade porque, principalmente no início do ano - na matrícula -, o pagamento de janeiro e fevereiro pode ser recebido em qualquer lugar, em caso de viagens durante as férias. “No início do processo nós estruturamos um plano de comunicação e refizemos todo o cadastro dos celulares dos responsáveis financeiros. Então, conseguimos analisar rapidamente - pela plataforma quem recebeu o SMS e quem não e podemos identificar se há alguma falha no cadastramento”, diz o coordenador de TI da Rede La Salle.

A aceitação foi tão positiva que a instituição de ensino já pensa em expandir o SMS para outros serviços. O próximo passo será a melhora da comunicação com os inadimplentes, com a implantação da funcionalidade Cobrança Digital da Zenvia até o fim do ano.

 

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter Newsletter por e-mail