COMUNIDADE

Fundo Bossa Nova Investimentos lidera rodada de aceleração da ACE

Acordo é único na América Latina e garantirá às startups da aceleradora uma opção de investimento de até R$ 500 mil

A nova rodada de investimento da aceleradora ACE, fechada nesta semana, foi liderada pelo fundo Bossa Nova Investimentos e contou também com a participação dos empreendedores e investidores José Edison Franco, André Romi e Thiago Oliveira.

A parceria terá impacto direto nas startups aceleradas pela ACE, já que as empresas que concluírem o programa terão prioridade de investimento da Bossa Nova, com a opção de receber de R$ 300 mil a R$ 500 mil dos fundos, logo após concluir 100% do checklist de aceleração.

Mike Ajnsztajn, cofundador da ACE, comenta que a Bossa Nova está trazendo um ritmo Vale do Silício aos investimentos em early stage no Brasil. “Acreditamos que o ecossistema só sai ganhando com mais acesso a capital e a uma rede extremamente ativa”, afirma.

Com o acordo, as redes de investidas das duas empresas passarão a se integrar. Para isso, além dos trabalhos desenvolvidos no dia a dia das operações, serão realizados eventos periódicos de troca de experiência e acesso a mercado.

A Bossa Nova é o maior fundo de micro venture capital do Brasil e já investiu em mais de 170 startups. A ACE, por sua vez, já acelerou mais de 130 startups e foi eleita três vezes consecutivas a melhor aceleradora de startups da América Latina pelo Latam Founders, o Oscar das startups do continente.

Comentários

Notícias Relacionadas

Copyright 2017 IT Mídia. Todos os direitos reservados.
É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da IT Mídia.